O sexo e a nossa saúde

tantra3

Você sabia que a atividade sexual é vista com muito cuidado na medicina chinesa e que até é colocada como um fator de desequilíbrio, precursor de inúmeras doenças? Mas como uma coisa tão boa e saudável pode ser vista como uma vilã para a nossa saúde?

Em postagens anteriores, falei da Energia Ancestral, a nossa Essência. A Essência é a energia responsável pela manutenção da nossa vida. No corpo ela é regida pelos nossos rins. É ela quem segura todas as nossas barras. Se ficamos doentes, é ela quem se desgasta para que a nossa saúde seja recuperada. Se nos alimentamos mal, é ela quem compensa as nossas deficiências nutricionais para que não adoeçamos. Resumindo, ela supre qualquer deficiência no nosso organismo para que possamos nos manter vivos e saudáveis.

Até aí, tudo bem.  Mas o que é que o sexo tem a ver com essa Essência? Acontece que a libido é regida pelo rim e o esperma é a materialização da Essência. Em outras palavras, quando ejaculamos, lançamos essência materializada em forma de esperma.

esperma4A energia sexual é a energia mais forte que existe, pois é a única capaz de gerar vida, e quando ejaculamos, lançamos parte da nossa vida (essência) para que uma nova vida possa ser criada. Assim, se ejaculamos com muita frequência, desperdiçamos essa essência,  o que causa a debilitação dos rins e o consequente comprometimento desse poder de autorreparação, enfraquecendo o organismo e suas defesas.

Não pensem que estou falando aqui que sexo é ruim e faz adoecer. Muito pelo contrário! Sexo é vida e deve ser praticado com consciência e responsabilidade. O que não pode é sair desperdiçando essência por aí como se fosse uma substância qualquer, sem importância.

Existe uma prática sexual no Oriente muito interessante, com origem na Índia, chamada de sexo tântrico. No sexo tântrico, suprime-se a ejaculação física e a relação sexual é usada para potencializar a energia vital e melhorar a saúde ao invés de desperdiçá-la. Nessa prática, a energia sexual é direcionada para cima, pela coluna, ao invés de concentrar-se na genitália, o que  proporciona uma indescritível sensação orgástica, com a ativação de todos os grandes centros de energia (os chacras), trazendo uma incrível expansão do nosso campo de energia. Para quem quiser saber mais, existem muitos livros que ensinam essasexo-amor-tantra-1024x720 técnica.

Sexo é muito bom, saudável e importante para a saúde física e mental,  mas deve-se praticá-lo com consciência e responsabilidade.   Mexer com a energia sexual é, ao mesmo tempo, fascinante e perigoso. Quando praticamos sexo com amor, a nossa energia se expande e experimentamos uma inigualável sensação de equilíbrio e felicidade.

Sejamos todos muito felizes!

Alex da Silva Santos – Diretor do Centro Brasileiro de Acupuntura
E-mail: editorial@riofiqueligado.com.br