Count

Riale Hotéis – Novo grupo hoteleiro no Brasil promete surpreender o setor

Projeto gerou um crescimento médio de 30% de ocupação das três unidades nos últimos dois anos

Hotel Imperial Flamengo

A cidade do Rio de Janeiro é mundialmente conhecida pelas belezas naturais, praias, e por seu povo alegre e receptivo. É o destino brasileiro mais conhecido no exterior, uma cidade de alto padrão que oferece atrações para todos os gostos, gêneros e idades. Por conta disso, consolida-se como um dos principais destinos de lazer e corporativo. Estes fatores foram determinantes para a inspiração da criação do grupo Riale Hotéis, o qual irá gerenciar os hotéis Imperial Flamengo, Vilamar Copacabana e Brisa Barra.

Segundo Gisele Scarlateli, diretora executiva, o investimento aplicado na criação do grupo permitiu ampla reestruturação de equipes, treinamentos diversos e reformas pontuais, que elevaram os níveis dos produtos da rede. “Todo esse esforçou gerou um crescimento médio de 30% de ocupação nos últimos dois anos”, destaca.

Ainda segundo a diretora, os três hotéis são frutos de muito trabalho de um investidor único, porém funcionavam de maneira independente e isto acarretava em dificuldades de padronização dos serviços. A centralização da administração converteu num serviço ainda mais personalizado, favorecendo um melhor atendimento aos hóspedes e resultados ainda mais positivos – ressalta.

O primeiro hotel implementado pela organização foi o Imperial Flamengo, que completou 50 anos em 2016. Em seguida, o Vilamar Copacabana com 15 anos e, logo após, o Brisa Barra, com cinco anos desde sua inauguração. “Com o surgimento do Brisa, identificamos a necessidade de criar um grupo, com intuito de desenvolver uma administração especializada para competir com as grandes redes atuais”.

Respectivamente, com o início da nova forma de gestão, investiu-se na modernização da identidade visual, elaboração de novos sites, gestão mais eficiente e atuante nas redes sociais, formatação de um motor de reservas único para as três unidades, capacitação para desenvolvimento de um atendimento ainda mais personalizado e, dentre muitas outras ações, realinhamento da estratégia dos restaurantes internos.

O investimento no capital humano também foi fundamental para o aperfeiçoamento no serviço dos três empreendimentos. O grupo apostou na contratação de gestores com grande experiência positiva, como, por exemplo, nas funções de Gerência de Hospedagem, Controler, Gerência de A&B e Cheff Executivo, Centralização de RH, Gerência de Manutenção e Gerência Comercial.