Hidrate-se!

Chegou o verão! Praia, sol, folia e calor. Muito calor!

Calor que traz um vilão que muita gente não se dá conta: a DESIDRATAÇÃO! Um vilão que pode ter consequências graves se não nos atentarmos para seus primeiros sinais. A água faz parte de 70% do nosso corpo, ou seja, ela não pode nos faltar.

Os sinais mais básicos da desidratação são irritabilidade, boca e pele secas. Se não ficarmos atentos a esses sinais, os sintomas podem piorar, levando a dores de cabeça, sonolência e tontura, podendo evoluir para uma desidratação grave com temperatura corpórea baixa, respiração pesada, pele fria e pegajosa, câimbras musculares, vertigens, vômitos e desmaios. Nessa circunstância água não basta. Beber água demais de uma vez só faz os rins excretarem mais água por meio da urina, trazendo assim mais dificuldades para a pessoa se reidratar, pois ela já perdeu muitos sais minerais. O ideal, no caso, é o soro fisiológico.

A receita do soro é uma velha conhecida: para um litro de água, use duas colheres de sopa rasas de açúcar e uma colher de café rasa de sal.

Nossa urina também dá sinais de desidratação, fique atento a sua coloração. Quanto mais clara e transparente, mais hidratado você estará. E quanto mais turva e escura, maior é a desidratação.

Eliminamos cerca de 1,5 litro de líquidos ao dia pela urina, 300ml pelos pulmões na respiração, 200ml pelo intestino e 500ml pela transpiração, fora a água que nosso corpo utiliza para suas funções metabólicas. Imagine nessas temperaturas superelevadas que estamos enfrentando! Por isso orientamos a ingestão de no mínimo 2 litros de água em dias de temperaturas amenas. Em temperaturas elevadas, devemos aumentar a quantidade. Menos que isso estaremos desidratando, certamente.

Para evitar o susto, cuide sempre da sua hidratação, principalmente em dias mais quentes. Desta forma, você pode garantir sua saúde durante toda a estação. O ideal, além de beber água com regularidade, é consumir frutas com alto teor de água, como abacaxi, melancia, melão e as cítricas. Alimentos como a couve, o repolho, brócolis, beterraba e cenoura também possuem alto teor de água em sua composição. Em dias muito quentes, troque a sobremesa por frutas ou sorvetes de frutas, o que também ajuda a se manter hidratado. E para os que não gostam de água, tentem aromatizá-las com lascas de gengibre, limão, laranja ou folhas de hortelã.

Depois de todas essas dicas, você vai deixar seu corpo desidratar? Ele dá sinais, então fique atento!

Karine Almirão Ferreira — CRN 4-15100909
E-mail: editorial@riofiqueligado.com.br