Count

Exposição “Orixás” na Casa França-Brasil

bguy_veloso_2_orixas_cfb_0Imagem: © Guy Veloso

Encontra-se aberta para visitação na Casa França-Brasil a exposição Orixás, uma investigação sobre o modo como a afro-brasilidade se manifesta na arte e na religião. São 220 itens de 31 artistas, entre esculturas, aquarelas, fotografias, objetos e vídeos.

Com curadoria de Marcelo Campos e projeto expográfico de Helio Eichbauer, a mostra pretende ser um exercício de revisão histórica da exposição Retratos da Bahia, ocorrida em 1990 no centro cultural, a qual se compunha de fotografias de Pierre Verger, desenhos de Carybé e esculturas de arte africana das coleções particulares dos dois artistas.  O intuito é promover uma releitura entre a produção moderna e a contemporânea.

Orixás, além de trabalhos de Carybé e Verger, reúne obras dos artistas Adalton Fernandes Lopes, Arjan Martins, Artur Barrio, Arthur Scovino, Ayrson Heráclito, Bruno Vilela, Chico Tabibuia, Crisaldo Morais, Dalton Paula, Efrain Almeida, Guy Veloso, Heitor dos Prazeres, José Medeiros, Lita Cerqueira, Louco, Louco Filho, Maria Auxiliadora, Mar o Cravo Neto, Mestre Didi, Pedro Marighella, Ronald Duarte, Ronaldo Rego, Rubem Valentim, Thiago Martins de Melo, Tiago Sant’Ana, Tina Velho, Virgínia de Medeiros e Wuelyton Ferreiro.

Da programação também fazem parte debates sobre temas relativos à mostra. A entrada é franca e ocorrem todas as terças, às 18h30min.

  • Dia 27 de setembro — O antropólogo Maurício Barros conversa sobre Pierre Verger e a capoeira.
  • Dia 4 de outubro — Samuel Abrantes, professor de figurino e indumentária da EBA/UFRJ, debate a roupa de Obaluaê.
  • Dia 11 de outubro  — A antropóloga Roberta Guimarães discute a zona portuária em torno das memórias e identidades afro-brasileiras.
  • Dia 18 de outubro — O antropólogo e diretor do FotoRio Milton Guran palestra sobre Agudás do Benin.
  • Dia 25 de outubro — O antropólogo Jérôme Souty conversa sobre Pierre Verger.

Temporada: 24 de setembro a 23 de outubro

Dias e horário: terça a domingo — 10h às 20h

Entrada franca

Obs.: Os educadores realizam visitas mediadas com grupos escolares previamente agendados através do site. Nos finais de semana, o espaço oferece visitas para o público espontâneo às 11 e às 16 horas.

Casa França-Brasil
Rua Visconde de Itaboraí, 78 — Centro — Rio de Janeiro
Tel.: 21 2332-5275 / 2332-5276