Diabetes, melhor prevenir do que remediar

Imagem /Fonte: Chico Terra.

A diabetes é uma das doenças crônicas que atinge mais pessoas em todo o mundo. É caracterizada pelo aumento da glicose no sangue. Quem é portador e não se cuida acaba apresentando vários problemas. Como é uma doença muitas vezes silenciosa, ela vai comprometendo todo o funcionamento do organismo a ponto de  levar à morte. Todos os anos, milhões de pessoas descobrem o problema, e isso vem acontecendo devido às mudanças no hábito alimentar. Na teoria a diabetes ainda não possui uma cura total, mas, com o tratamento correto e cuidados na alimentação, os sintomas se tornam fracos e podem até desaparecer. Entretanto, mesmo sem os sintomas, é fundamental continuar indo ao médico!

Hoje, com o avanço da tecnologia, está cada vez mais fácil de diagnosticá-la, assim como realizar o tratamento. Porém, o melhor remédio ainda é a prevenção.

Você sabia que, por meio de uma alimentação saudável e equilibrada, pode diminuir suas chances de desenvolver DIABETES?

Imagem / Fonte: Diabetes – Bienestar y Salud.

Praticar atividades físicas regularmente, reduzir a ingestão de gordura, de calorias e perder peso também podem ajudá-lo a reduzir o risco de adquirir essa e muitas outras doenças.

Fatores de risco para desenvolver a doença:

  • Estar acima do peso;
  • Ter mais de 45 anos de idade;
  • Fator genético (pai, mãe e/ou irmã com a doença);
  • Pessoas portadoras de hipertensão arterial;
  • Sedentarismo.

É importante ficar atento aos sintomas da doença, pois o tratamento precoce pode prevenir danos de longo prazo ao corpo. Os sintomas são:

  • Aumento da sede;
  • Aumento da fome;
  • Cansaço;
  • Aumento da urina (maior frequência);
  • Aumento ou perda de peso;
  • Visão turva;
  • Dificuldade na cicatrização de feridas.

Estudos recentes mostraram que a perda de peso moderada e exercícios regulares podem prevenir ou retardar a instalação da diabetes tipo 2.

Imagem / Fonte: ConocerSalud.

Aumente a ingestão diária de frutas e vegetais. Se estiver acima do peso, procure um nutricionista para ajudá-lo com um plano diário de refeições adequado.

Limitando o consumo de carne vermelha e processada e leites e derivados com alto teor de gordura (os integrais), você diminui a ingestão de gorduras saturadas, que propiciam o surgimento da diabetes. Opte por peixe, leite e derivados desnatados, e carne de aves sem pele.

Abasteça sua cozinha com nozes, amêndoas, azeite de oliva e abacate. Experimente acrescentar farinha de semente de linhaça moída às vitaminas, cereais matinais, sucos, pães e bolos. E não se esqueça da atividade física regular. Dessa forma você estará contribuindo para a saúde do seu corpo e prevenindo doenças crônicas como a diabetes e a hipertensão arterial sistêmica.


Karine Almirão Ferreira — CRN 4-15100909
Formada em nutrição e fisioterapia, tem especialização em acupuntura e dermatologia funcional. É mestranda em nutrição e dietética.
E-mail: editorial@riofiqueligado.com.br. Instagram: @karinealmirao.