Comédia “O homem que queria ser Rita Cadillac” em cartaz na Casa de Baco

Fã da eterna chacrete entra numa série de confusões por amor à musa dos anos 70

Imagem: © Phill Whizzman / divulgação

O espetáculo O Homem que queria ser Rita Cadillac cumpre temporada no Teatro Casa de Baco até 26 de agosto. Comemorando 120 apresentações e sete anos de montagem,  a comédia, produzida pela Tartufaria de Atores e escrita por Márcio Américo, conta a história de Clovão,  um homem perdidamente apaixonado pela musa do Cassino do Chacrinha, Rita Cadillac, o qual, acreditando que só será possível conquistá-la tendo dinheiro, planeja assaltar um banco, mas acaba sendo preso. Na cadeia, conhece Jotalhão, um matador que o ajuda a elaborar um plano de fuga inspirado em um programa de tv sensacionalista. O desfecho traz questionamentos sobre as intenções do protagonista.

A montagem rodou o Brasil e esteve em cartaz em grandes teatros, onde foi aplaudida por mais de 20 mil espectadores. Recheada de situações cômicas absurdas, a peça dirigida por Fábio Guará, tem pitadas de humor político e trilha sonora inusitada.

No elenco, Celso Jardim, Daniel Bouzas, Fabrício Victorino, Fábio Guará, Pedro Rodrigues e Lucas Tapioca.

Temporada: 4 a 26 de agosto

Dias e horário: Sexta e sábado ― 21h

Entrada: R$ 20 (inteira) / R$ 10 (meia)

Duração: 60 minutos

Classificação: 14 anos

Casa de Baco
Rua da Lapa, 243 – Lapa ― Rio de Janeiro
Tel.: 21 3796-6191