Cena Brasil Internacional – Festival internacional de artes cênicas no CCBB

“Mi Fiesta”, produção argentina com Mayra Bonard. Foto | Créditos: Alejandro Guyot.

A oitava edição do Cena Brasil Internacional acontece de 5 a 16 de junho, no CCBB Rio de Janeiro. Ele traz espetáculos de teatro e dança, performances, oficinas e palestras que traçam um expressivo panorama das artes cênicas contemporâneas. O festival apresenta seis obras, vindas de São Paulo e Recife, além de quatro internacionais, da Argentina, Estados Unidos e França, totalizando 27 apresentações  a preços populares.

O Cena Brasil é uma idealização do CCBB em parceria com o produtor Sérgio Saboya, que assina a curadoria junto com o jornalista, diretor e dramaturgo Luiz Felipe Reis. Desde a sua primeira edição, funciona como um modelo híbrido, que conjuga residência artística e uma mostra seleta de espetáculos. A cada ano, as obras selecionadas são o reflexo de visões muito diversas sobre as possibilidades da cena, mas que trazem algo em comum: um olhar livre, desimpedido e oxigenado sobre as artes cênicas.

O Cena Brasil Internacional apresenta ainda workshops, palestras e residências gratuitas, além de uma área externa de convivência com food trucks, um ponto de encontro entre artistas e público antes e depois da ampla programação cultural. A programação se estende também à Escola de Cinema Darcy Ribeiro, que recebe o espetáculo paulista Quando quebra queima. As atrações nacionais e internacionais contam com traduções de legendas eletrônicas em inglês e português.

Lista de Atrações

Nacionais
  • “Altamira 2042”, de Gabriela Carneiro da Cunha (Inédito no Rio). SP | 2018 | 90 min | 16 anos.
  • “Como manter-se viva”, de Flávia Pinheiro. PE | 2017 | 50 min | livre.
  • “Diafragma: dispositivo versão beta”, de Flávia Pinheiro. PE | 2015 | 40 min | 16 anos.
  • “Enchente”, de Flávia Pinheiro (Inédito no Rio). PE |2016 | 50 min | 16 anos.
  • “Isto é um negro?”, do grupo EQuemÉGosta? – (Inédito no Rio). SP | 2018 | 100 min | 18 anos.
  • “Quando quebra queima”, do coletivA ocupação – Inédito no Rio. SP | 2018 | 90 min | 10 anos.
Internacionais
  • “Black hole – Trilogy and triathlon”, de Shamel Pitts (Inédito no Brasil). EUA – BRA | 2016 | 61 min | 14 anos.
  • “Black velvet – Architectures and archetypes”, de Shamel Pitts – Inédito no Rio. EUA – BRA | 2016 | 60 min | 14 anos.
  • “Mi fiesta”, com Mayra Bonard (Inédito no Brasil). ARG | 2018 | 60 min | 16 anos.
  • “Rester vivant”, de Yves-Noël Genod (Inédito no Brasil). FRA – BRA | 2019 | 120 min | 18 anos.

Programação

► Dia 5 de junho (quarta)
  • 19:30 – “Quando quebra queima” – Escola de Cinema Darcy Ribeiro foyer.
  • 20:00 – “Black velvet– Architectures and archetypes” – CCBB Teatro I.
 Dia 6 de junho (quinta)
  • 19:30 – “Quando quebra queima” – Escola de Cinema Darcy Ribeiro foyer.
  • 20:00 – “Black velvet– Architectures and archetypes” – CCBB Teatro I.
► Dia 7 de junho (sexta)
  • 19:00 – “Enchente” – CCBB Teatro II.
  • 19:30 – “Quando quebra queima” – Escola de Cinema Darcy Ribeiro foyer.
  • 20:00 – “Black velvet – Architectures and archetypes” – CCBB Teatro I.
 ► Dia 8 de junho (sábado)
  • 15:00 – Palestras “Hackeando as velhas estruturas” (ColetivA Ocupação), “Black box – Little black book of red” (Shamell Pitts) e “Salvem as bactérias! A luta contra os antibióticos” (Flavia Pinheiro) – CCBB | Auditório | 4º and.
  • 19:00 – “Enchente” – CCBB | Teatro II.
  • 19:30 – “Isto é um negro?” – CCBB | Teatro I.
► Dia 9 de junho (domingo)
  • 19:00 – “Como manter-se viva?” – CCBB | Teatro III.
  • 19:30 – “Isto é um negro?” – CCBB | Teatro I.
► Dia 10 de junho (segunda)
  • 19:00 – “Como manter-se viva?” – CCBB | Teatro III.
  • 19:30 – “Isto é um negro?” – CCBB | Teatro I.
  • 20:00 – “Mi fiesta” – CCBB | Teatro II.
► Dia 12 de junho (quarta)
  • 19:00 – “Diafragma: Dispositivo versão beta” – CCBB | Teatro III.
  • 19:30 – “Black hole – Trilogy and triathlon”” – CCBB | Teatro I.
  • 20:00 – “Mi fiesta” – CCBB | Teatro II.
  • 21:00 – “Diafragma: Dispositivo versão beta” – CCBB | Teatro III.
► Dia 13 de junho (quinta)
  • 15:00 – Palestras “Branquitude: artista e a normatização do direito de criar” (Mirella Façanha) e “Corpo específico” (Mayra Bonard e Carlos Casella) – CCBB | Auditório | 4º and.
  • 19:30 – “Black hole – Trilogy and triathlon” – CCBB | Teatro I.
  • 20:00 – “Mi fiesta” – CCBB | Teatro II.
► Dia 14 de junho (sexta)
  • 19:30 – “Black hole- Trilogy and triathlon” – CCBB | Teatro I.
  • 20:00 – “Rester vivant” – CCBB | Teatro II.
  • 20:30 – “Altamira 2042” – CCBB | Teatro III.
► Dia 15 de junho (sábado)
  • 20:00 –  “Rester Vivant” – CCBB | Teatro II.
  • 20:30 – “Altamira 2042” – CCBB | Teatro III.
► Dia 16 de junho (domingo)
  • 15:00 – Palestras “Possibilidades de um devir-documento daquilo que chamamos invisível” (Gabriela Carneiro da Cunha)  e “Férias da realidade” (Yves-Noël Genod) – CCBB | Auditório | 4º and.
  • 20:00 – “Rester Vivant” – CCBB | Teatro II.
  • 20:30 – “Altamira 2042” – CCBB | Teatro III.

Data: de 5 a 16 de junho de 2019.
Entrada: R$30 (inteira) | R$15 (meia).
Palestras: Entrada franca.
Bilheteria: Quarta a segunda | 9h às 21h | CCBB e site www.eventim.com.br
Infos: 21 3808-2020.

Mais em: www.cenabrasilinternacional.com.br

CCBB (Rua Primeiro de Março 66 | Centro). Teatros 1 , 2 e 3 e Auditório.
Escola de Cinema Darcy Ribeiro (Rua da Alfândega, 5 | Centro). Foyer.